29 de novembro de 2016

Pelo time


Hoje o Brasil acordou chocado, olhos chorosos e sorrisos esquecidos após o acontecimento que esteve longe do nosso alcance e, por vezes, do nosso entendimento. Por que isso aconteceu? Por que algo tão cruel depois de uma felicidade tão grande e compartilhada? O fato é que não sabemos a resposta, mas a tragédia aconteceu. E agora? O que fazer?

Estamos chocados com o triste episódio da Chapecoense. Em um momento sorrisos e no outro lágrimas. Como algo pode mudar tão de repente? Isso só nos lembra o quanto somos pequenos diante desse universo infinito. Não podemos mudar o passado ou descobrir o futuro, mas somos capazes de ter compaixão com o outro, com aqueles 76 ou talvez mais. Com os que, por um milagre, sobreviveram.

Agora, deixo os meus sentimentos, a minha solidariedade e, acima de tudo, a minha oração. Eles foram determinados em todo o caminho que percorreram, de baixo até o topo. E hoje descansam, sorriem e se solidarizam no céu. Que Deus possa recebê-los de braços abertos, sendo o Pai recebendo seus filhos amados. Que Nossa Senhora os beije tal como a mãe que é. Que Jesus esteja com eles e que alcancem a paz eterna.

Nem eu, nem você, nem ninguém tem a resposta da primeira pergunta que fiz e não podemos fazer nada que possa mudar a triste situação. "A dor precisa ser sentida." Apesar disso, podemos mostrar nossa solidariedade com a família, podemos sentir a perda que o país inteiro sentiu hoje, podemos ter compaixão e, mais importante, rezar por todos eles. Que o seu verde nos encha de esperança, de determinação e que seu legado não seja esquecido por nenhum de nós. Pela esperança. Pelo Chapecoense. E que Deus seja louvado acima de tudo.


Nenhum comentário:

Postar um comentário